sexta-feira, 11 de setembro de 2009

São José Das Três Ilhas. MG







Monumental igreja de pedra, muito conhecida em toda região,

para tão pequena população...






Anjo em mármore com olhos escuros também em mármore.


Raridade


Peça lindíssima que fica no jardim frontal da igreja




Vista da saída (da porta) principal da igreja




Orgão ainda em funcionamento da mesma época da igreja.




O interior do templo nos eleva a paz que tanto queremos fora dele tambem.


É um frescor que suaviza a alma.


O altar central, a foto dispensa comentários!



Aqui é um dos 5 passos.

Não foram feitos os demais por falta de dinheiro, segundo nos disseram.

Desta vez não nos foi possível ve-los abertos.

Diz a senhora que toma conta que são muito lindos.Numa proxima vez eu mostro. Breve estaremos lá de novo.






E assim o povo vive. Beeeeeeeeeemmmm devagar, curtindo, curtindo...





As casas conservam a simplicidade.


Foram tombadas pelo patrimonio historico.





Lateral da igreja.




Vista do sossego.


Aquele sobrado é uma pensão.


Pra comer ali tem que vir cedo ou encomendar antes.







A magia da paz


Neste lugar, a relva nativa nos induz a respirar pureza, vinda naquele ventinho de mato que balança suavemente os cabelos como os acariciasse.
No ar, a paz e a calmaria nos leva a contemplação.
Tudo ali, parece nos testar. A paisagem explode em poesia, rimando com a natureza, pois nada mais importa.
São Jose das Três Ilhas é a mais pura excitação, é sonhar acordado, é um filme romântico, paixão em fogo brando... É vontade de voltar!
Conta a historia do lugar, que a suntuosa igreja de pedra, tinha como trabalhadores braçais os escravos. Com a chegada da lei Áurea, não tinha mais mão de obra para o transporte das pedras. Daí os fazendeiros da época terminaram o pouco que faltava com aquela tira de tijolos lá do alto destoando das enormes pedras.
A construção data de 1878 do mês de julho, quando a comemoração é bem típica de interior mineiro. Lindos corais e orquestras enriquecem o louvor ao santo padroeiro.
A igreja faz parte dos 33 imóveis tombados na rua, pelo patrimônio histórico.
Para se chegar até lá, passamos por estrada de terra com direito a apreciação de inúmeras fazendas conservadas e muito bem cuidadas.
Um sonho de passeio
São José das Três Ilhas fica a 26 km de Rio das Flores.
Numa outra postagem conto mais. Comida, fazendas etc.
Beijoca.
Nilda.


A beijoca de hoje vai pra minha querida Rubia, que está me levando a sonhar na sua viagem cheia de aventuras, numa cultura muito interessante com seu geito despojado e simples.




Para pensar...

Não tente mudar a vida, apenas participe dela.









13 comentários:

solange disse...

Que lugar maravilhoso.
Adoro suas fotos, adoro seus relatos.
Viajo com vc.
Te amoooooo!!
Bjs

trichegege disse...

Que lugar maravilhoso!Que relíquias preciosas, reliquias estas que o tempo não deveria ter direito de destruir, esse é um lugar daqueles que me levariam sem dúvida a ter momentos de paz que preciso tanto, mas que sei que não terei jamais. Pois me acostumei com a loucura do mundo em que vivo e acho que não aguentaria ficar tão isolada, agora, que o lugar pede e dá paz isso salta das fotos p/ a vida

Eduardo P.L disse...

Nilda,

Oi!!!! srsrs

Estavas sumida mesmo! Mas por uma bela causa!
Obrigado por estar mostrando a Vítima da Quinta no seu sidebar!
Como vi também o banner da finada Tertúlia, e não vi o da NOVA BlogGincana, cujas inscrições só podem ser feitas HOJE e amanhã, te convido a ir lá se inscrever!

http://bloggincana.blogspot.com/

Foi bom vir aqui matar a saudade!

Volte sempre!

Judy disse...

Que ligar encantador!
Maravilhosa a igreja!
Fico esperando prá saber das outras delícias que esta viagens tem a "nos" oferecer!

Um forte e carinhoso abraço e uma semana linda!

Anônimo disse...

Nilda, que lugar tranquilo,fotos lindas e o texto transmite paz.
Beijocas,Bel

Regina d'Ávila disse...

Quantas surpresas...
Passei pelo blog do Gaspar...vi o seu e pensei..."cantin"..deve ser mineira..vou dar uma olhadinha...
Pronto..que felicidade...
Conheço muito este lugar..Minha fazenda era bem pertinho...
Igreja linda, não é? Um lugar delicioso...
Parabéns pelas fotos..
Beijos,
Regina.

Gaspar de Jesus disse...

Olá D.NILDA
Muito obrigado pela visita sempre gratificante.
Parabéns por esta tão bonita quanto importante reportagem.
É sempre gratificante preservar-mos a História.
Beijinhos para a senhora e um abração para o senhor José Jaime.
G.J.

Aninha disse...

Minha Lindinha!
Esse lugar é encantador!!!
Muitosssssss e Muitosssssssss Bjinhos no coração !!!
(",)\
./♥\.
_| |_ Aninha

EXAGERADO disse...

Oi,linda
Adorável o seu Blog.Mineiro é trem bom mesmo!Viajei contigo até São Jose das Três Ilhas.

Estou visitando os Blogs inscritos na Gincana e cheguei até aqui.Parabéns!
Vou preparar a minha tarefa após ler todos os blogs...

grande beijo

Isabel Cristina disse...

Oi Nilda, vim agradecer sua visitinha ao meu blog, e espero que vc volte muitas outras vezes. Seu blog está ficando lindo, adoro estas igrejas do interior. Lindo a mesa de carretel com mosaicos que vc fez!! Beijos e tenha um lindo final de semana!

tossan® disse...

Muito bonito e pitorescoco esse lugar!!!! Fotos especiais co uma textura diferente que encanta! Abraços

marilisa disse...

estou avisitando agora pelo que observei voce e mais uma mineiracaprichoza gostei detodaspeças mostradasmaode fada bjos

Isadora disse...

OI, Nilda. Vim retribuir sua visita, que variedade de trabalhos vc faz! Vc é muito talentosa, parabéns!
E eu amei estas fotos de MG, que lugar lindo! Gosto muito desse tipo de passeio, uma viagem no tempo!
Grande abraço
Dora

Oi! Esse blog é para dividir e somar um cadin de cada coisa boa que faço e quero fazer . Copie o que quiser, mas me deixe um oizinho, tá? Beijocas Nilda.